Fatores Que Causam Estresse em Idosos

0
7

O estresse em idosos vem apresentando alta incidência, e poucos parecem se dar conta disso. Muitas vezes pode ficar mascarado com outras características, tais como perda de memória, ou apatia.  Poucas pessoas sabem a forma correta de lidar com essa situação ou como auxiliar o idoso. 

Fatores como o esvaziamento sócio-ocupacional após a aposentadoria e mudanças repentinas no cotidiano são causas comuns que levam, não só ao estresse, mas à diversas outros impactos emocionais. 

Durante a pandemia do Coronavírus, vem sendo recorrente perceber um estado de estresse na população, que pode ser gerado por diversos motivos como medos e incertezas, má alimentação e falta de sono regulado. Mas o principal motivo dessa instabilidade pode ser decorrente à forçada mudança da rotina. 

O fato de não poder sair de casa para realizar as atividades rotineiras afeta à todos, principalmente os idosos que possuíam uma vida ativa e cheia de afazeres. 

Estresse na terceira idade

Quando os cotidiano sofre grandes mudanças em um curto espaço de tempo e sem que estas mudanças fossem desejadas, há pouco para resiliência. Tal pode favorecer o aparecimento de quadros de depressão, crises de ansiedade e fobias. 

Outros fatores consideráveis que podem induzir ao estresse na terceira idade está ligado diretamente ao estilo de vida como fumo, alcoolismo, hábitos alimentares impróprios e problemas familiares. Além de enfermidades crônicas, a perda de alguém próximo, insônia e mudanças financeiras

Consequências do estresse

O estresse crônico pode acarretar no risco de doenças cardiovasculares, problemas gástricos, ou até mesmo agravar o quadro de diabetes e elevar a hipertensão arterial já existentes. 

Segundo a Escola de Medicina de Harvard, Harvard Medical School, entre os sintomas do estresse estão: 

-Dores de cabeça; 

-Dor nas costas; 

-Indigestão; 

-Palpitações cardíacas; 

-Baixa concentração;

 -Indecisão; 

-Irritabilidade;

 -Nervosismo.

Como controlar o estresse?

É recomendável identificar as causas que estão gerando a sobrecarga emocional. Recomenda-se procurar um especialista, como médicos e terapeutas logo que os primeiros sinais sejam percebidos. 

Fazer uma nova organização da rotina, que contemple compromissos necessários, temas saudáveis e espaços de lazer, podem ajudar.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui